Portuguese English Spanish

Notícias de mortes aparecem diariamente na imprensa. Uma das mais impactantes, no final de novembro, foi sobre o voo da Chapecoense, que terminou em tragédia e abalou o país.

71 mortes ocorreram de uma forma difícil de aceitar e, muito mais difícil ainda, de entender, sem uma visão espiritual da existência.

A morte é uma realidade cotidiana, no planeta. Mas é algo que se busca evitar, um assunto desagradável. “Negativo”. É preferível deixar de lado e desfrutar a vida, enquanto se tem saúde e possibilidades.

E é muito raro encontrar alguém que fale do tema com serenidade, como Sócrates (469-399 a.C.), o filósofo grego, citado por J. Herculano Pires no primeiro capítulo de Educação para a Morte: “Quando o Júri de Atenas condenou Sócrates à morte ao invés de lhe dar um prêmio, sua mulher correu aflita para a prisão, gritando-lhe: ‘Sócrates, os juízes te condenaram à morte’. O filósofo respondeu calmamente: ‘Eles também já estão condenados’. A mulher insistiu no seu desespero: ‘Mas é uma sentença injusta!’ E ele perguntou: ‘Preferias que fosse justa?’”

O julgamento de Sócrates foi um fato histórico importantíssimo da Grécia Antiga e a serenidade demonstrada por ele nesse momento, segundo Herculano, “era o produto de um processo educacional: a Educação para a Morte”.

As religiões em geral não falam da morte, mas de formas de conquistar o Céu através de condutas permitidas, incentivadas ou proibidas. É um discurso sobre prêmios e castigos, que não amplia de fato nossa compreensão do significado do morrer e de como adquirir essa atitude serena.

A Educação para a Morte não é isto. Ela serve para lembrar que todos ajustamos nosso viver a um certo nível de consciência e que o transcender é uma possibilidade ao alcance de todos. Significa que podemos estar na Terra extraindo o aprendizado de nossas experiências possíveis, mas que precisamos ir além delas. Afinal, a morte não é o fim, é somente mais uma etapa do caminho evolutivo do espírito.

Educação para a Morte é um livro de Herculano Pires, em nova edição Correio Fraterno / Paidéia, que já se encontra nas livrarias e distribuidores espíritas.

Style Selector

Layout Style

Predefined Colors

Background Image